SIGA O MEU BLOG

segunda-feira, 3 de maio de 2010

PERDENDO A HORA (Ramilos)

Amor, perdi a hora.
Ao despertar corri a te procurar,
Mas, já não estavas, tenho falta de ti.

Meu corpo reclama, chama-te,
Quero-te para que possas
Todas as fantasias, sonhos e prazeres
No meu corpo realizar.

Oh! Meu doce anjo
Que tanto bem me faz,
E tanto martírio me traz
Amando-te à distancia...

Que mesmo assim me satisfaz.
É tão suave a tua voz
Quando me diz de teu amor,
Quero-te para que eu possa fazer
Do teu corpo meu caminho
De prazer.... Nele percorrer...

Da tua boca meu céu de emoção
Do teu peito meu canto de reflexão
Há outros lugares que desejo conhecer
Que me excitam e dá tesão.

(Ramilos)

Nenhum comentário: