SIGA O MEU BLOG

segunda-feira, 5 de março de 2012

O MAIOR POETA DO BRASIL VIRÁ NO FLIPOÇOS 2012

“Ferreira Gullar, a grande estrela do Flipoços ao vivo em Poços, no dia 05 de maio”


“Encontro com o maior poeta vivo do Brasil”. Este será um dos principais privilégios dos participantes desta edição do Flipoços. Para encerrar o Ciclo de Literatura em grande estilo, Ferreira Gullar, um dos principais ícones da Literatura Brasileira, estará em Poços dia 05 de maio, às 20 horas, no Teatro da Urca para conversar com o público. Poeta, crítico de arte, biógrafo, tradutor, memorialista, ensaísta e colunista de imprensa, Ferreira Gullar é considerado por muitos o maior poeta brasileiro vivo. 

Natural de São Luís do Maranhão (1930), José Ribamar Ferreira adotou o pseudônimo Gullar criado a partir do sobrenome da mãe, Alzira Ribeiro Goulart. Antes de migrar para o Rio de Janeiro ainda jovem no final dos anos 40, ganha seu primeiro prêmio literário (em concurso promovido pelo Jornal das Letras) e publica Um Pouco Acima do Chão (1949). Em terras cariocas, passa a colaborar em jornais e revistas, inclusive como crítico de arte. 

Engajado e preocupado com as questões sociais, publica A Luta Corporal (1954), obra que abre caminho para o movimento concretista, com o qual rompe cinco anos depois e inaugura as bases estéticas do neo-concretismo em ensaio histórico intitulado Teoria do Não-Objeto. Em 1961, admitindo um esgotamento estético desta proposta, volta-se para o universo da cultura popular e engaja-se em movimento deflagrado pelo Centro Popular de Cultura da União Nacional dos Estudantes (CPC-UNE), do qual ocupará o cargo de presidente, com intensa atividade militante e literária, em especial a partir de 1962, quando destaca a importância da luta contra as injustiças sociais e a opressão política, que se intensificaria após o famigerado Golpe de 1964. 

 Ele recomeça sua experiência poética com poemas de cordel e, mais tarde, reelabora a sua linguagem até alcançar a com­ple­xidade dos poemas que constituem Dentro da Noite Veloz, editado em 1975.  Em 1964, publica o ensaio Cultura Posta em Questão e, em 1969, Vanguarda e Subdesenvolvimento, em que propõe um novo conceito de vanguarda estética. Se os versos de Gullar foram e são sensíveis a toda a problemática do homem, o seu teatro segue a mesma linha, em obras emblemáticas como Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come (1966), com Oduvaldo Viana Filho; A saída? Onde fica a saída? (1967), com Armando Costa e A. C. Fontoura; e Dr. Getúlio, sua vida e sua glória (1968), com Dias Gomes. Forçado a exilar-se do Brasil em 1971, escreve em 1975, em Buenos Aires, o seu livro de maior repercussão, Poema Sujo, publicado em 1976 e considerado por Vinicius de Moraes “o mais importante poema escrito em qualquer língua nas últimas décadas”. 

Em 2006, com Resmungos (crônicas) recebe os prêmios Jabuti na categoria contos e crônicas e Livro do Ano pela Câmara Brasileira do Livro. No ano anterior, ganha dois importantes prêmios pelo conjunto da obra, com destaque para o Prêmio Machado de Assis, a maior honraria da Academia Brasileira de Letras. Em 2010 foi agraciado com o Prêmio Camões, considerado a mais importante láurea destinada a um autor de língua portuguesa. 

E em 2011, recebeu os Prêmios Jabuti de Melhor Livro do Ano e de Melhor Livro de Poesia com Em alguma parte alguma. Veja a programação oficial do Flipoços 2012, no site www.feiradolivropocosdecaldas.com.br A Campanha “Doe um Livro” que acontece para arrecadar livros que serão doados para diversas entidades, começará no próximo dia 12 de março. Os interessados deverão trocar livros de literatura em bom estado de conservação por ingressos das palestras máster. 

A 7ª Feira Nacional do Livro de Poços de Caldas faz parte do Calendário Oficial de Feiras do Brasil emitido pelo Ministério da Cultura. O evento conta com o patrocínio do DMEE, Cerâmica Togni, VMetais, Totus, ANL, Sesc e Senac. Apoio Prefeitura de Poços de Caldas, CBL e CML. Agendamento para as atividades e informações na GSC Eventos pelo (35) 3697 1551.


Legenda da Foto:
  • Ferreira Gullar pela primeira vez no sul de Minas, fala com o público dia 05 de maio. Imperdível!

Nenhum comentário: